Estudo mostra que empresas apoiadas pela Finep investem mais em P&D

30/05/2019

Os empréstimos reembolsáveis da Finep estimulam as empresas brasileiras a ampliarem seus investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). A informação consta de um estudo assinado pelos pesquisadores do Ipea, André Rauen e Cayan Saavedra, e pelo superintendente de Inovação da Finep, Newton Hamatsu. Na segunda, 27/05, houve matéria no Valor Econômico sobre o tema. 

O documento, que integra o Boletim Radar do Ipea, mostra que as empresas que acessam o mecanismo de crédito da Finep elevam, em média, em 76% a mais a contratação de pessoal ocupado em áreas científicas e tecnológicas do que empresas similares em termos de setor de atuação, porte e situação econômico-financeira. “Estatísticas internacionais mostram que a maior parte do investimento em P&D é realizada justamente na contratação de pessoal qualificado”, diz o texto. A pesquisa avaliou a performance de mais de 1.600 empresas, das quais 50% receberam apoio via crédito da Finep no período de 2005 a 2014.

O crédito concedido pela Finep pode ocorrer de forma direta, quando todo o processo de seleção, desembolso e acompanhamento é feito pela agência, ou de forma indireta, quando a agência repassa recursos para agentes regionais de fomento à inovação, atualmente via programa Inovacred.

Para mais detalhes da pesquisa, acesse aqui.

Por Finep.

Newsletter