Finep lança edital para projetos de inovação de empresas brasileiras e espanholas

01/10/2015

A Finep e o Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI), órgão do governo espanhol, lançam nesta quinta-feira, 01/10, o primeiro edital conjunto para financiar projetos de inovação tecnológica entre empresas do Brasil e da Espanha.

A chamada publica, voltada para projetos cooperativos em p,D & I industrial, tem como principal objetivo apoiar empresas brasileiras e espanholas no desenvolvimento de projetos para impulsionar a inovação de seus produtos, visando o mercado mundial. O edital está aberto a projetos de todos os setores de atividades econômicas e qualquer tecnologia de base. A seleção das propostas levará em consideração algumas características, como o desenvolvimento de tecnologia inovadora em escala piloto ou protótipo, a produção de conhecimento aplicado a uma solução tecnológica, cujo desenvolvimento alcance uma escala de laboratório, o desenvolvimento tecnológico de um processo inovador com perspectivas de mercado a partir de uma atividade de investigação industrial.

O edital terá duas fases: a primeira irá até 30 de junho de 2016 e consiste no envio das propostas. Depois de uma avaliação conjunta, as empresas líderes selecionadas de cada país devem apresentar seu pedido de financiamento para a respectiva agência. Na segunda fase, Finep e CDTI avaliarão separadamente os projetos recebidos, de acordo com os critérios utilizados usualmente para cada agência, incluindo suas próprias políticas operacionais e respectivas leis de regulamentos nacionais. As propostas devem ser enviadas em português e em inglês para a Finep e em espanhol e em inglês para o CDTI. As versões em inglês devem apresentar conteúdo idêntico.

Para participar, as empresas precisam cumprir os seguintes requisitos:

  • dentro os participantes, deve haver pelo menos uma empresa brasileira e uma espanhola,
  • podem participar organismos de investigações e centros tecnológicos subcontratados pelas empresas,
  • a solução proposta pelo projeto deve ser altamente inovadora e demonstrar um potencial significativo de aplicação comercial,
  • os parceiros devem acordar na primeira fase os projetos relativos aos direitos de propriedade intelectual e sobre as estratégias de comercialização,
  • É necessária a contribuição e participação mínima de 30% por cada participantes dos países.

O apoio financeiro vai se dar por meio dos Fundos Nacionais do Brasil e da Espanha, conforme suas disponibilidades e em conformidade com as legislações vigentes de cada país.

Histórico

A parceria entre a Finep  e o CDTI começou em 1996 com o primeiro Memorando de Entendimentos, que possibilitou o intercâmbio de profissionais das duas organizações como forma de promover projetos de inovação e desenvolvimento tecnológico realizados por empresas brasileiras e espanholas.

Em 2006, foi assinado um Acordo de Cooperação Tecnológica entre as duas instituições. No documento, a Finep e o CDTI se comprometiam a colaborar para promover a cooperação tecnológica entre empresas de ambos países, especialmente pequenas e médias, no desenvolvimento de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação. Este acordo foi renovado em 2013, como o objetivo de fortalecer as relações de cooperação que a Finep mantém com o CDTI há mais de 15 anos e promover a inovação nas empresas, centros tecnológicos e universidades de ambos os países, assim como o intercâmbio de conhecimentos e boas práticas entre as duas instituições.

 

Fonte: FINEP

por Categoria: Financiamento Finep Tags: , ,